top of page
Buscar
  • Foto do escritorDébora C. Rosa de Paula

Como montar a MELHOR mochila de treeking

Atualizado: 5 de mai. de 2020


Ao fazer seu cronograma você deve pensar nas coisas que vai precisar para conclui-lo. Quando decidimos fazer uma trilha, viagem ou acampamento nós devemos pesquisar informações sobre clima, costumes, alimentação, hospedagem, como comprar os pacotes de passeios, câmbio, meios de locomoção, outros. O trekking é um desafio que exige que você tenha planejamento e organização.

· Barraca - analise o peso, tamanho, material, e se é três estações – chuva, verão, inverno;

· Mochila grande (60 litros) – peso para homens de cerca de 10 kg, e para mulheres de 7 kg;

· Mochila de ataque (30 litros) – usar para full days, percursos que não precise levar todo equipamento;

· Capa de chuva para a mochila – sim, as mochilas de trilha são em geral impermeáveis, mas nem sempre suportam alta intensidade de água;

· Capa de chuva – eu particularmente não gosto de usar capa de chuva, prefiro proteger a mochila, e seguir em frente mas por precaução sempre tenho na mochila;

· Botas de trilha impermeáveis – devidamente amaciadas/laceadas antes da aventura;

· Jaqueta impermeável e corta vento;

· Blusa do tipo fleece;

· Blusa segunda pele;

· Calça segunda pele;

· Calça leve de trilha – com bolsos (para guardar coisas uteis e pequenas);

· Meias de trilha – leve uma pra cada dia, elas ficam húmidas e cozinham os pés;

· Chinelo – os pés precisam respirar, esteja em qualquer temperatura, chegou ao acampamento tire as botas, meias e deixe os pés respirarem;

· Touca quentinha pra noite.

· Bandana tubular – para usar durante o dia que você pode usar pra proteger pescoço, e ouvidos principalmente do vento, e segurar aqueles cabelinhos que ficam arrepiados e ficam batendo no rosto;

· Óculos de sol com lentes polarizadas – proteger os olhos do reflexo do sol na aguá ou gelo dos picos das montanhas, fica difícil em algumas horas do dia;

· Protetor labial – fator 30 no mínimo;

· Protetor solar – acredite, este item é essencial, leve fator acima de 50;

· Repelente;

· Um hidratante para corpo e rosto – nós levamos uma latinha de nívea, usamos no corpo todo, hidrata muito;

· Lenços umedecidos;

· Canivete;

· Isqueiro;

· Cordas pequenas;

· Ganchos de metal;

· Isolante térmico;

· Saco de dormir – pesquise o clima da região, e compre um saco que suporte baixas temperaturas;

· Lanterna – uma de cabeça ajuda muito, você consegue manter as mãos livres;

· Baterias extras pra câmera;

· Carregador portátil – para recarregar câmera, celulares, etc.. Nós compramos uma pela internet, mas era muito pesada, antes de comprar qualquer coisa pra sua aventura verifique o peso, tudo o que você quiser levar pesa... e na hora de uma subida você vai se arrepender de não se atentar a esse detalhe. Existe também a opção de carregador solar portátil;

· Jogo de utensílios de cozinha – Caneca de alumínio, talheres, panela, prato, caneca. Tem á venda kits completos, pela internet e lojas de equipamentos esportivos, vale a pena investir neste item;

· Fogareiro e gás – aqui temos dois itens que devem ser muito bem analisados, nós compramos um modelo em que o bujão de gás ficava acoplado ao fogareiro, depois de anexado não podia separa-los. Esse foi um erro que nos afetou emocionalmente, nosso fogareiro sofreu algumas avarias, e começou a vazar gás no primeiro dia de uso, ficamos sem gás no segundo dia... não tínhamos como cozinhar, não tínhamos como tomar ou comer algo quente... isso nos afetou demais. O que indicamos é um fogareiro pequeno, e um bujão de gás que pode ser removido, tampado e guardado separadamente... isso evita vazamentos, e que você fique sem fogo. Nós usamos um de 90 gramas que se não tivesse vazado tenho certeza que teria sobrado... algumas pessoas levam 2 bujões... acredito que não seja necessário, fora que quando você chega nos acampamentos, na área comum de alimentação (alguns extremamente precários, outros muito bem equipados), tem bujões que algumas pessoas deixam ou porque concluíram a trilha, ou porque se esquecem.

· Toalhas de microfibra – elas tem secagem rápida, são mais finas e quando dobradas ou enroladas elas ocupam pouco espaço;

· Comida – tem q ser prática, rápida e fácil de carregar. Comida liofilisada é pratica, mas não muito gostosa. Calcule as refeições básicas, café, almoço e janta, e leve algumas opções de lanches rápido. Leve: leite em pó, café solúvel, barras de cereal, chocolate, balas, frutas secas, castanhas. Nós levamos metade da nossa comida do Brasil. Mas você não precisa fazer isso, tem mercados muito bons com os produtos certos pra quem esta entrando nessa aventura nas cidades bases, enlatados de feijões, carnes, porções individuais de macarrão e arroz. Lembrete; verifique o peso.

· Medicamentos e kit de primeiros socorros – leve analgésicos, antitérmicos, anti-inflamatório, band-aid, sal de fruta, pomada, e medicamentos de uso continuo.

· Bucha e sabão para lavar a louça.

· Sacos de Lixo, e zip lock – para juntar seu lixo, para armazenar a comida, para separar roupa suja, úmida, etc;

· Luvas de trilha impermeáveis;

· Para as mulheres: opte por top e calcinhas confortáveis;

· Potabilizador de agua – se você for para uma trilha onde tomara agua de degelo ou nascentes, por exemplo;

· Bastões de trilha – algumas cias aéreas não permitem o embarque, outras enviam sua bagagem para a área de bagagens especiais, verifique. Nós compramos o nosso bastão em Cusco, trouxemos para o Brasil, e depois levamos para Punta Arenas sem problemas;

· Uma dica importante: na hora de dormir proteja todas as extremidades, cabeça, orelhas, mãos e pés, assim você vai se aquecer e dormir bem.

82 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page